Lisbon & Estoril Film Festival

Filmes

Ficha técnica:

Realizador: Jerzy Skolimowski
Argumento: Jerzy Skolimowski
Fotografia: Jan Laskowski
Produtora: Zespol Filmowy “Kamera”

A Barreira

Um filme de Jerzy Skolimowski

Voltar
Um jovem estudante de Medicina pretende derrubar todos os obstáculos da vida: dinheiro, idade, estatuto, cultos e convenções. O seu sonho é casar com uma mulher rica, ter uma moradia nos subúrbios e um Jaguar na garagem. Mas conhece uma rapariga com ideais completamente diferentes. Bariera mistura fantasia e documentário, inspirando-se nas experiências da Nova Vaga francesa, ao mesmo tempo que faz um retrato desencantado da Polónia comunista.
  • Elenco:

    Joanna Szczerbic, Jan Nowicki, Tadeusz Lomnicki
  • Título original:

    Bariera
  • País:

    Polónia
  • Ano:

    1966
  • 77’

Ficha técnica:

Realizador: Jerzy Skolimowski
Argumento: Jerzy Skolimowski
Fotografia: Jan Laskowski
Produtora: Zespol Filmowy “Kamera”

Horários

Cinema Medeia Monumental Sala 4

Leg. PT

Realizador

Jerzy Skolimowski

Realizador nascido na cidade de Lódz na Polónia, Jerzy Skolimowski corporizou os seus multifacetados talentos – como cineasta, argumentista, poeta, dramaturgo, pintor e ator – numa filmografia plena de inventividade visual e narrativa.

Nos seus anos de formação estudou Etnologia, Literatura e História na Universidade de Varsóvia e em 1962 licenciou-se em realização na Lódz Film Academy. Ao mesmo tempo que dava início ao seu trabalho como realizador, participava também como ator em inúmeros filmes.

Uma das mais singulares vozes da Nova Vaga do cinema polaco dos anos 1960, Skolimowski teve um muito particular trajecto artístico, dividido entre a Polónia (o icónico conjunto de filmes iniciais, após colaborações com Wajda e Polanski, e o trio de filmes recente – Quatro Noites com Anna, Essential Killing e 11 Minutos – depois de um hiato fílmico voluntário de 17 anos) e uma itinerância artística por vários países e produções. Pelo seu gesto artístico perpassa uma capacidade visionária invulgar de captar os seres humanos face ao seu tempo e às suas circunstâncias.

Atualmente com mais de 20 filmes no seu currículo, o realizador polaco conta com vários prémios atribuídos nos mais importantes festivais de cinema europeus, como o Urso de Ouro no Festival de Berlim pelo filme Le Départ (1967) e o Grande Prémio do Júri do Festival de Cannes por O Uivo (1978). Com Moonlighting (1982), protagonizado por Jeremy Irons, venceu o Prémio de Melhor Argumento no Festival de Cannes.

Em 2008, ano que marca o seu regresso à realização, Skolimowski apresentou Quatro Noites com Anna na Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes. Em 2011, com Essential Killing, protagonizado por Vincent Gallo, venceu o Grande Prémio do Júri no Festival de Veneza.

Jerzy Skolimowski foi um dos convidados da última edição do LEFFEST, onde apresentou o seu mais recente filme, 11 Minutos, que foi o grande vencedor do festival, recebendo o Prémio Melhor Filme Jaeger-LeCoultre.

Este ano regressa ao festival e será homenageado com a exibição integral da sua obra.
Este website usa Cookies. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa Política de Cookies.