Lisbon & Estoril Film Festival

Filmes

Sessões Especiais - Sessões Especiais

Ficha técnica:

Argumento: Stanley Kubrick, Arthur C. Clarke
Director de Fotografia: Geoffrey Unsworth
Produção: Metro-Goldwyn-Mayer, Stanley Kubrick Productions

2001: Odisseia no Espaço

Um filme de Stanley Kubrick

Voltar
É uma das obras mais influentes do cinema moderno e veio revolucionar os filmes de ficção científica no final da década de 60, com os efeitos especiais de Douglas Trumbull. A partir da ideia de um conto (The Sentinel) de Arthur C. Clark, que escreveu o argumento com Kubrick, 2001 segue uma viagem a Júpiter, após a descoberta de um monólito alienígena que afecta a evolução humana. Uma reflexão sobre o destino da humanidade, o desenvolvimento tecnológico, e a possibilidade de criar inteligência artificial, o filme foi, “para os milhões de espectadores que desde 68 até hoje decretaram o seu triunfo, sobretudo uma experiência sensorial (não só visual) completamente nova […] abrindo na superfície do écran uma profundidade absoluta […] que devolvia ao espectador o prazer fílmico ‘primigénio’ de seguir o movimento de coisas e objectos”. (Enrico Ghezzi, Stanley Kubrick, ed. Il Castoro)
  • Elenco:

    Keir Dullea, Gary Lockwood
  • Título original:

    2001: A Space Odyssey
  • País:

    Estados Unidos da América, Reino Unido
  • Ano:

    1968
  • 149’ Legendas: Português

Ficha técnica:

Argumento: Stanley Kubrick, Arthur C. Clarke
Director de Fotografia: Geoffrey Unsworth
Produção: Metro-Goldwyn-Mayer, Stanley Kubrick Productions

Horários

Cinema Medeia Nimas

Filme de Abertura LEFFEST'20

Centro Cultural Olga Cadaval Auditório Acácio Barreiros

Filme de Abertura LEFFEST'20

Realizador

Stanley Kubrick

Stanley Kubrick (1928-1999) foi um realizador, produtor e fotógrafo americano. Considerado um dos cineastas mais importantes de todos os tempos, foi autor de grandes clássicos do cinema, como Spartacus (1960), Dr. Strangelove (1964), 2001: A Space Odyssey (1968), A Clockwork Orange (1971), Barry Lyndon (1975), The Shining (1980), entre outros. A sua originalidade e persistência, aliadas a uma técnica meticulosa, profunda e paciente, colocam-no no panteão dos mais influentes realizadores da história.
Este website usa Cookies. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa Política de Cookies.