Lisbon & Estoril Film Festival

Filmes

Selecção Oficial - Fora de Competição

Festivais e Prémios:

Festival de Cannes 2022  - Selecção Oficial em Competição

Ficha técnica:

Argumento: James Gray
Produção: James Gray, Anthony Katagas, Marc Butan, Rodrigo Teixeira, Gustavo Debs, Marco Túlio Kehdi
Director de Fotografia: Darius Khondji

Armageddon Time

Um filme de James Gray

Voltar
Armageddon Time conta-nos uma história profundamente pessoal, inspirada na infância do próprio realizador James Gray, ao crescer em Queens, Nova Iorque, durante a década de 80. O filme retrata o amadurecimento forçado pelas situações económicas e sociais de uma família em busca do sonho americano, bem como temas familiares e sociais, como a lealdade, a tolerância e a tensão racial.
  • Elenco:

    Anne Hathaway, Anthony Hopkins, Jeremy Strong, Jessica Chastain, Banks Repeta, Jaylin Webb
  • Título original:

    Armageddon Time
  • País:

    Estados Unidos da América
  • Ano:

    2022
  • 114’ EN, Legendas: PT

Festivais e Prémios:

Festival de Cannes 2022  - Selecção Oficial em Competição

Ficha técnica:

Argumento: James Gray
Produção: James Gray, Anthony Katagas, Marc Butan, Rodrigo Teixeira, Gustavo Debs, Marco Túlio Kehdi
Director de Fotografia: Darius Khondji

Horários

Teatro Tivoli BBVA

8€

Realizador

James Gray

James Gray nasceu em Nova Iorque, em 1969. Cresceu em Queens e durante a adolescência alimentou o desejo de  ser pintor. No entanto, ao descobrir as obras de cineastas, como Francis Ford Coppola, os seus interesses mudaram para o cinema, mais concretamente para a realização.

Estudou Cinema e Televisão na Universidade da Carolina do Sul e realizou o seu primeiro filme em 1994, quando tinha apenas 25 anos. Little Odessa (1994) foi aclamado pela crítica internacional e recebeu o Leão de Prata na 51ª edição do Festival de Cinema de Veneza. 

James Gray tem uma carreira repleta de sucessos, tanto de crítica, como de bilheteira. Entre os seus filmes mais famosos podemos encontrar We Own the Night (2007), The Immigrant (2013), The Lost City of Z (2016) ou Ad Astra (2019). James Gray já teve muitos seus filmes exibidos no LEFFEST e foi um dos convidados da edição de 2013, onde foi homenageado com uma retrospectiva.
Este website usa Cookies. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa Política de Cookies.