Lisbon & Estoril Film Festival

Filmes

Homenagens e Retrospectivas - L.A. Rebellion

Festivais e Prémios:

Festival de Berlim 1983 - Prémio FIPRESCI Prize (Forum of New Cinema)
Festival de Munique 2019 - Seleção Oficial

Ficha técnica:

Argumento: Larry Clark
Produção: Larry Clark
Director de Fotografia: Larry Clark

As Above So Bellow

Um filme de Larry Clark

Voltar
Com uma forte crítica política e social, este filme de Larry Clark imagina um cenário pós-motins de Watts, onde um grupo de revolucionários negros se prepara para destronar um governo e sistema económico que alimentam uma frustrante desigualdade. Um dos membros do grupo é o ex-oficial da marinha Jita-Hadi - a personagem que surge na primeira cena do  filme como criança no seu bairro em Chicago, 1945, e que vai sendo seguido pelo/a espectador/audiência na sua crescente insurgência política.

Acompanhando esta conspiração clandestina com excertos da reportagem Guerrilla Warfare Advocates in the United States, As Above As Bellow é um dos filmes politicamente mais radicais do movimento L.A. Rebellion.
  • Elenco:

    Billy Middleton, Gail Peters, Nathaniel Taylor, Lyvonne Walder
  • Título original:

    As Above So Bellow
  • País:

    Estados Unidos da América
  • Ano:

    1973
  • 52' EN, Legendas: PT

Festivais e Prémios:

Festival de Berlim 1983 - Prémio FIPRESCI Prize (Forum of New Cinema)
Festival de Munique 2019 - Seleção Oficial

Ficha técnica:

Argumento: Larry Clark
Produção: Larry Clark
Director de Fotografia: Larry Clark

Horários

Cinema Medeia Nimas

Com apresentação dos curadores
6€

Realizador

Larry Clark

Larry Clark, nascido em 1948 em Ohio e conhecido pelo seu aclamado filme de Jazz Passing Through (1977), é um dos principais realizadores afro-americanos do movimento L.A. Rebellion, ou ‘Los Angeles School of Black Filmmakers’: uma geração de realizadores dos anos 60 a 80 da UCLA, criadores de um revolucionário Cinema Negro divergente das convenções de Hollywood e atento às reais vivências da comunidade afro-americana.

Enquanto jovem, presidiu à Black Student Union in Television, antes de migrar para Los Angeles e de se inscrever na Escola de Teatro, Cinema e Televisão da UCLA - Universidade da Califórnia. O autor tem raízes musicais - o seu avô Sonny Clark era um celebrado pianista de jazz, o pai tocava saxofone e ensinava danças latinas, e a mãe era cantora lírica. É compreensível, por isso, que a sua longa-metragem e projecto final de mestrado, Passing Through (1977), seja geralmente considerada um dos melhores filmes sobre jazz, e uma ampla celebração das capacidades artística da comunidade negra, e que acabou por conquistar o Prémio Especial no Festival de Locarno, em 1977.

Clark foi ainda cinematógrafo na curta de Haile Gerima, Hour Glass (1971), e realizador de Tamu (1970), ambos com uma mensagem política forte e associados ao movimento de Black Liberation, ao mesmo tempo que se manifestava contra o mito do sonho (branco) americano para afro-americanos. É também aclamado por Cutting Horse (2002), um western moderno, focado na perseverança de um treinador de equitação negro. 

O realizador recebeu ainda o Prémio de Cinematografia Oscar Micheaux, e continua a ser professor de cinema na San Francisco State University.
Este website usa Cookies. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa Política de Cookies.