Lisbon & Estoril Film Festival

Filmes

Ciclos Temáticos - Romper as Grades: A cultura como espaço de liberdade e a resistência nas prisões

Festivais e Prémios:

Festival Internacional de Roterdão, 2007

The Roof

Um filme de Kamal Aljafari

Voltar
The Roof é um documentário muito forte e pessoal dirigido pelo cineasta palestiniano Kamal Aljafari, que vive na Alemanha e retorna à sua terra natal para ver a vida actual da sua família mais próxima e da futura. Aljafari fala sobre o passado e deixa um ponto de interrogação para o futuro.

O cineasta compartilha a vida quotidiano com os seus pais e com as suas irmãs em Ramle, onde nasceu e de onde vem a família do pai. 

Com Kamal Aljafari vamos aprendendo a história quotidiana dos palestinianos de Jaffa, a partir das memórias das avós sobre a Intifada de 1948. O início e o fim do filme são marcados por diálogos com uma amiga palestiniana com um passaporte israelita - uma jovem que trabalha em Jerusalém e quer tornar-se juiz.
  • Título original:

    Alsateh
  • País:

    Palestina
  • Ano:

    2006
  • 63' AR, Legendas: EN

Festivais e Prémios:

Festival Internacional de Roterdão, 2007

Horários

Centro Cultural Olga Cadaval Auditório Acácio Barreiros

Com Malak Mattar, Kamal Aljafari, Elia Suleiman e Yasmine Hamdan
6€

Realizador

Kamal Aljafari

Kamal aljafari é um realizador e artista palestiniano. Os seus filmes já foram apresentados em diversos festivais de cinema, entre eles festival de Berlim, de Locarno, de Viena e de Roterdão, entre outros; e em museus como o MoMA e a Tate Modern. 

Estudou na Academia de Artes de Colónia e vive em Berlim, na Alemanha. Em 2009, foi um dos artistas destacados no seminário de cinema Robert Flaherty, em Nova Iorque. Entre 2009-2010 foi detentor da bolsa Benjamin White Whitney da universidade de Harvard. Foi também professor de cinema na New School em Nova Iorque. Entre 2011 e 2013, Kamal Aljafari leccionou na Academia Alemã de Cinema e Televisão. Em 2021 foi júri da secção “Leopardo de Amanhã” do festival de Cinema de Locarno, e júri da secção “Burning Lights” do Visions du Réel, em Nyon.  No mesmo ano, o festival de cinema brasileiro “Olhar de Cinema” dedicou-lhe a sua secção “Foco”.
Este website usa Cookies. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa Política de Cookies.