Lisbon & Estoril Film Festival

Notícias

Walter Salles vence Prémio FIAF

Voltar
Walter Salles, cineasta brasileiro e membro do júri do LEFFEST em 2018, foi galardoado com o prestigiado Prémio FIAF da Federação Internacional de Arquivos de Filmes.

Desde 2001, quando Martin Scorsese recebeu o primeiro Prémio FIAF pelo seu contributo pioneiro para a causa da preservação de filmes, o prémio tem sido atribuído a personalidades do meio cinematográfico que, mesmo fora do trabalho de arquivo, demonstram um grande compromisso para com o cinema. O galardoado é escolhido, anualmente, pelo Comité Executivo da FIAF com base numa shortlist de nomeados pelos funcionários dos vários arquivos da FIAF no mundo inteiro.

Salles segue-se assim a uma longa lista de galardoados cujo mais recente nome é Jean-Luc Godard, que recebeu o prémio durante o 75º Congresso FIAF em Lausanne, em Abril de 2019. Uma das mais célebres e respeitadas personalidades do cinema brasileiro, Salles foi homenageado pelo seu “compromisso para com a preservação do património cinematográfico”.

Em 2018, Salles passava pelo LEFFEST, onde fez parte do Júri da Competição Oficial, e a sua obra foi objecto de uma homenagem através de uma selecção de filmes que incluiu Central Brasil (1998), vencedor do Urso de Ouro no Festival de Berlim.

A FIAF aproveitou o anúncio do prémio para expressar também o seu apoio e solidariedade para com as suas três afiliadas no Brasil – a Cinemateca Brasileira, a Cinemateca do MAM e o Arquivo Nacional – pelo seu “compromisso inabalável para com a causa do cinema no Brasil durante o actual contexto político extremamente preocupante”.
Este website usa Cookies. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa Política de Cookies.