Lisbon & Estoril Film Festival

Secções

Ciclos Temáticos

Sou Culpado?

Voltar
Alexei Artamonov, Denis Ruzaev e Ines Branco Lopez

O questionamento, o dramatismo e a intensidade emocional da culpa têm estado presentes na cultura, pelo menos, desde a Antiguidade, e todas as épocas subsequentes a embutiram com o seu próprio sentido.

Este sentimento, já por si complicado, na sua transformação enquanto reflexão da modernidade mantém, ainda assim, as mesmas qualidades primordiais, existenciais que a tornaram uma das problemáticas mais importantes e sem solução fácil na História da civilização humana.

O cinema é, claro, muito mais jovem – na altura da sua invenção, a Humanidade era já atormentada pelo drama da culpa há muito, muito tempo. Mas a arte cinematográfica apanhou este “bichinho” muito rapidamente.

Estas questões serão exploradas através de sete sessões, começando a viagem com Ingmar Bergman e terminando com Nobuhiko Obayashi, passando por Barbara Loden, Thomas Heise, Thomas Harlan, Robert Kramer, Camille Billops, Toshio Matsumoto e Jules Dassin. 

Ler mais
Este website usa Cookies. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa Política de Cookies.